Provenientes de Cascais, os Okkultist são o mais recente projeto musical de Cascais e que conta com Beatriz Mariano como frontwoman. A propósito do lançamento do lyric video da demo de “Bring Your Own Crucifix”, fizemos uma pequena entrevista à vocalista.

…viemos ao mundo para arrastar as vossas almas para o Inferno!

O projecto Okkultist é muito recente, podes apresentar-nos a formação e género musical?
Os Okkultist começaram por ser um projecto que começou entre mim e o Leander Sandmeier (guitarrista dos Toxikull) em 2015. Eventualmente, chegámos a um ponto em que sentimos que valia a pena levar este projecto para a frente, e logo no início de 2016 chamámos outro guitarrista, o Moisés “Godinez” (guitarrista de Booze Abuser), o Ivo Salgado para a bateria (Sicksouls, Old Fucking God e The Wind Of Hell) e o Antim Batchev (baixista dos Toxikull e Booze Abuser). Começámos a compor sob influências de death metal, mas acabámos por criar uma onda mais para o progressivo ou até mesmo groove.

Uma vez que esta faixa se trata de uma demo, presumimos que irão lançar algo em breve. Como se irá chamar e quando irá sair? Fala-nos desse álbum!
Temos mais uma faixa a sair chamada “Killing Is The Sweetest Thing” muito em breve, e estamos a planear ter o album pronto no final de 2017 – provisoriamente entitulado “Five Nation Pentagram”. Até lá, vamos lançando material promocional – mas o melhor será sempre ver a banda ao vivo!

O vosso primeiro concerto está para muito breve, o que podemos esperar dessa data?
Podem contar com muita maldade e incarnações do demo, viemos ao mundo para arrastar as vossas almas para o Inferno!


O primeiro concerto irá decorrer no Stairway Club (Cascais), a 15 de outubro. Evento de facebook aqui.
Segue-os! InstagramFacebookYouTube

Comentários

Divulgamos o melhor que a música extrema tem para oferecer, pela divulgação de trabalhos e eventos, reportagens, entrevistas, etc. LIGHTS - CAMERA - MOSH!