Um dia antes do Mosher Fest, o Moita Metal Fest tem o seu warm-up oficial, com Dr Living Dead (Suécia), Switchtense, Ho Chi Minh e Mindtaker. O Hugo Andrade tem sido a grande força do Moita Metal Fest, com uma perseverança notável que tem feito o festival crescer de ano para ano. Lê a entrevista que fizemos a propósito do festival, da sua banda e muito mais.


MOSHER TV – Em primeiro lugar, parabéns pelo cartaz que estão a reunir para a próxima edição do Moita Metal Fest. Mas parece que há quem se esteja a esquecer que há um warm-up brutal, já esta sexta-feira. Como tem sido promover este evento de novembro?
HUGO ANDRADE – Obrigado. Vai ser festa da rija, o Moita Metal Fest 2017! A todos os que se esquecem, nós temos algo a dizer: lembrem-se.
A promoção tem sido boa. Adoramos dar flyers em todo o lado que conseguimos, até porque a nossa equipa de distribuição é cada vez mais numerosa. Mas, acho que com o natural “passa-a-palavra” a coisa vai correr bem e vai estar ali um belo grupo de malucos para curtir metalada no dia 11 Novembro no RCA em Lisboa.

Os suecos Dr Living Dead vão estrear-se em Portugal. Como surgiu a ideia de trazer esta banda em específico?
Em relação a trazer os Dr Living Dead a Portugal, a primeira ideia era desmascará-los e saber se eles são mesmo assim ou têm um aspecto ainda pior. Depois, é uma banda que gostamos e que o magnata da Mosher também, e como estamos repletos de dinheiro e somos excelentes organizadores de eventos, contactámos os managers da banda e chateámos tanto o pessoal que acabaram por ceder a vir tocar em Portugal.

Trazem ainda os Mindtaker (que foram ao Wacken), os Ho Chi Minh e, claro está, os Switchtense. Isto quer dizer que não podemos contar com a banda da casa para o festival do ano que vem?
Sim, já chega de Switchtense no festival (pelo menos durante um ano).

Recentemente, os Switchtense decidiram procurar um substituto para ocupar a posição deixada em aberto pelo Neto. Como tem sido este processo? Não deve ter sido fácil.
Nunca é fácil quanto se tem que sair da zona de conforto e quando os “alicerces abanam”, mas nao vão cair e isso é o mais importante. Vamos esperar e com calma tomar uma decisão sobre quem escolher para tocar guitarra connosco.

O que é que o público pode esperar de sexta-feira? Ainda é possível comprar bilhete à porta?
Sim, ainda temos bilhetes à porta. Eu disse bilhetes, portanto no mínimo temos 2 ainda para vender 😀
Acho que vai ser uma noite bem passada com três bandas portuguesas de qualidade e uma banda que se estreia em Portugal e que normalmente rebenta tudo por onde passa.

Deixa-nos uma lista dos álbuns que tens andado a ouvir.
Sodom
– Decision Day
Suicidal Tendencies
– World Gone Mad
Red Fang
– Only Ghosts

Comentários

Divulgamos o melhor que a música extrema tem para oferecer, pela divulgação de trabalhos e eventos, reportagens, entrevistas, etc. LIGHTS - CAMERA - MOSH!